terça-feira, 20 de outubro de 2009

Uruguai/Literatura: Mario Benedetti

Mario Benedetti (1920-2009) foi poeta, escritor e ensaísta. Considerado um dos principais autores do Uruguai, escreveu mais de 80 livros de poesia, romances, contos e ensaios, assim como roteiros para cinema.

Comecei a lê-lo por influência de minha querida amiga Mónica Villarroel durante um dos seus tantos périplos pelo Cone Sul. Em sua lembrança reproduzo um dos nossos textos favoritos.

Piedritas en la ventana

De vez en cuando la alegría
tira piedritas contra mi ventana
quiere avisarme que esta ahí esperando
pero me siento calmo
casi diría ecuánime
voy a guardar la angustia en un escondite
y luego a tenderme la cara al techo
que es una posición gallarda y cómoda
para filtrar noticias y creerlas
quien sabe donde quedan mis próximas huellas
ni cuando mi historia va a ser computada
quien sabe que consejos voy a inventar aun
y que atajo hallare para no seguirlos
esta bien no jugare al desahucio
no tatuare el recuerdo con olvidos
mucho queda por decir y callar
y también quedan uvas para llenar la boca
esta bien me doy por persuadido
que la alegría no tire mas piedras
abriré la ventana.

Mario Benedetti

Em complemento a este poema, assista ao video com uma coletânea de textos de Mario Benedetti:

segunda-feira, 5 de outubro de 2009

Canionismo/Aparados da Serra: Travessia do Malaraca Estréia na Televisão

Finalmente estréia no Canal Futura, na TV Unisinos e, em breve, na Globo Internacional, o documentário do Programa Adrenalina sobre a travessia completa de um dos cânions mais técnicos do Brasil.

O apoio técnico e condução foi totalmente prestado pela Associação Cânions da Serra Geral - ACASERGE conforme blog que já postei aqui.

Veja abaixo no release do progama os detalhes da transmissão para os canais de televisão.

- x - x - x -

P.S.: Quer ver o episódio completo? Então curta abaixo!


domingo, 4 de outubro de 2009

Corrida de Aventura/Ouro Preto/MG: XTerra Brazil 2º Dia

Depois de uma noite refrescada pela garoa e com o aroma tropical da vegetação recém-molhada no ar, sob um sol de primavera vou para a disputada largada da prova de 45 quilômetros de mountain bike enquanto passo por grupos de ciclistas já aquecendo para a competição.

Como hoje a prova é só de ciclismo há uma multidão participando, desde crianças, idosos, iniciantes e amadores, até atletas profissionais e olímpicos.

Sem me preocupar com identidades vou fotografando a esmo, expressões, imagens coloridas, júbilo, esforço e alegria.

Deixo aí algumas escolhidas para vocês.

Gostou? Quer mais? Então se delicie abaixo com o vídeo oficial do XTerra Brazil Etapa de Ouro Preto!

sábado, 3 de outubro de 2009

Corrida de Aventura/Ouro Preto/MG: Estou no XTerra Brazil!

Integrando uma equipe de reportagem como fotógrafo colaborador estou em Ouro Preto/MG para o final de semana de 03 e 04/10 repleto de esportes outdoor. É a etapa regional da corrida de aventura XTerra Brazil, denominada de Estrada Real.

Direto de São Paulo sigo para Belo Horizonte e de lá chego em Ouro Preto à 1h30 da madruga em uma van destinada à imprensa. Acomodados no centro da cidade histórica a alvorada é cedo para aproveitar a luz e captar a largada da primeira prova de Duathlon, composta por 3 km de corrida + 25 km de mountain bike + 9 km e corrida para finalizar.

A pacata cidade está agitada com a competição, a comunidade envolvida e a Praça Tiradentes totalmente ocupada pela estrutura da corrida, cones de sinalização, pórtico de largada, barracas de apoio e áreas reservadas para os atletas.

O tempo está quente e nublado o que, apesar de esmaecer um pouco as cores das imagens me poupa dos contrastes excessivos e dos inevitáveis estouros de luzes em fotografias captadas com o sol a pino.

Regulo a câmera para ISO 200 e prioridade e abertura 1/500 a fim de paralisar as images em movimento e velocidade alta com as bikes que morro abaixo facilmente ultrapassam os 60 quilômetros horários zunindo pelas centenárias ruas calçadas de pedra de Ouro Preto. Fundada em 1711 então com o nome de Vila Rica de Minas Gerais, é considerada desde 1980 Patrimônio da Humanidade pela UNESCO.

Findo o Duathlo da manhã com o primeiro colocado tendo percorrido o percurso em apenas 2h15 dentro do limite máximo de 5, me preparo para recuperar o fôlego e acertar o equipo para cobrir a Night Trail Run marcada para a noite. Para as fotos noturnas uso o flash Canon Speedlite 580 EXII com copo difusor branco e regulo a câmera para ISO 400 com uma grande angular 20-35mm.

sexta-feira, 2 de outubro de 2009

Equipamentos: North Face já tem loja no Brasil

Em viagem a trabalho por São Paulo passei pelo shopping Morumbi e, eis que de repente, sem aviso prévio, me deparo com uma loja da North Face, uma das melhores marcas de equipamentos outdoor existentes no mundo.

Entro e dou uma espiada. Converso com a vendedora Brisa, pergunto preços. Trata-se de uma franquia aberta há 4 meses e é a primeira loja no Brasil. A diversidade de produtos ainda é limitada e os preços, como esperado, caros considerando a média nacional.

Pergunto pelas barracas, ponto alto da marca e um bom termômetro de avaliação quanto ao custo benefício no país.

Eles tem pindurada na parede da loja a famosa VE-25 amarelo-ouro, top de linha, estado-da-arte na categoria e sucesso de desempenho inigualável em alta montanha. Preço: R$ 2.500,00. Considerando a qualidade do produto e a disponibilidade de entrega imediata no Brasil, o custo é até bastante razoável.

Em compensação a Dyad 22, da linha Flight extra-leve da North Face, construída em single wall (sem sobreteto) está por R$ 1.200,00. Caríssima considerando a relação de custo benefício e por ser quase metade do valor da VE-25. Mas ao invés de um ícone à toda prova como a primeira, a Dyad 22 é uma barraca leve, para duas pessoas e com desempenho muito inferior.

Falo de cadeira pois já fiz uso das duas linhas. A VE-25, à prova de furacão, foi impecável no Aconcágua. A Dyad, versão para duas pessoas da Solo 12 e equipamento que utilizei, com uma proposta bem diferente da VE é uma barraca 3 estações, inadequada para ambientes com muito frio, gelo e neve. E justamente por ser desenvolvida para o calor eu esperava mais da impermeabilização do seu fundo, o qual deixou a desejar com clima chuvoso e solo molhado, longe de classificar-se como condição extrema.

A North Face que me desculpe, mas dela se exige nada menos do que a perfeição!

De qualquer modo a chegada destes equipamentos é muito bem-vinda e vamos apostar na equalização dos seus preços com o poder de compra do consumidor, ainda que objetive uma parcela bem exclusiva do mercado. A vinda da North Face para o Brasil vai, no mínimo, puxar para cima o padrão de qualidade dos equipamentos de uso outdoor em geral e dar uma boa sacudida na concorrência. Melhor para nós consumidores!

A representação brasileira da marca já conta com um site - ainda bastante incompleto no que tange a informações e produtos - e um blog com notícias gerais de cunho esportivo.

O endereço da loja é na Av. Roque Petrônio Junior, 1089, loja 238 - 1º piso, São Paulo, fone 11-51816856. Para o site brasileiro visite http://www.thenorthface.com.br/ e para o norteamericano veja http://www.thenorthface.com/.

Já o blog está no link http://www.thenorthface.com.br/blog/